Notícia da Lusa só para recordar e ver como são mentirosos
Uma notícia da Lusa em 30.Setembro.2006

 

O primeiro-ministro, José Sócrates, garantiu que a auto-estrada A25, que a partir de hoje liga Aveiro a Vilar Formoso, não terá portagens pagas pelos utilizadores até a região que atravessa atingir os indicadores socio-económicos do resto do país.

Durante a inauguração do lanço Boaldeia (Viseu)-Mangualde, com o qual o grupo AENOR encerra a sua concessão das Beiras Litoral e Alta, José Sócrates frisou que esta é uma forma de solidariedade nacional para com o desenvolvimento do interior.

A A25, que substitui o Itinerário Principal 5, tem uma extensão total de 172,4 quilómetros, atravessando os distritos de Aveiro, Viseu e Guarda, no regime de portagem virtual SCUT (sem custos para o utilizador).

“Se esta região do interior do país tivesse indicadores de desenvolvimento iguais à média nacional, não havia motivos para não ter portagens pagas”, afirmou aos jornalistas no final da cerimónia, lembrando que “todos os portugueses estão a contribuir”. Antes da cerimónia, a Comissão de Utentes Contra as Portagens na A25 colocou tarjas em várias pontes e junto à tenda onde se realizou a cerimónia de inauguração a reafirmar a necessidade de a passagem naquela auto-estrada não ser taxada.

Notícias datadas de 2004

 Marcha-lenta contra as Portagens entupiu o IP5 durante duas horas

Duas horas e treze minutos para percorrer 23 quilómetros. A marcha lenta que ontem entupiu o IP5 >>>>

Espero que a Assembleia da República discuta a petição e que os deputados eleitos na região tenham a coragem de pôr à frente de tudo os interesses das pessoas que os elegeram", exortou Francisco Almeida

Assembleia Municipal de Viseu aprova moção contra as portagens no IP5 e IP3

A Assembleia Municipal de Viseu aprovou no dia 27 de Setembro, por unanimidade, uma moção contra a eventual cobrança de portagens nos Itinerários Principais (IP) 3 e 5, que servem o concelho

Ver todas as notícias

Sugestões e comentários para webmaster